quarta-feira, 10 de março de 2010

História do Trajeto 8


Saquarema tem 354 km² e cerca de 70 mil habitantes, dista 100 km do Rio de Janeiro e por isso, durante o Brevet 200 km é o meio do caminho da prova e base do PC 2.

Situada na região dos lagos, possui belas praias: Massambaba, Barra Nova, Prainha, Boqueirão, Itaúna, Jaconé, Vilatur e Vila, com condições favoráveis à prática do surfe. Uma das mais famosas é a praia de Itaúna.

Cidade predominantemente turística, é conhecida também como "A capital nacional do surfe". As ondas de suas praias estão entre as melhores do país. Além dos campeonatos de surfe nacionais e internacionais, as festas religiosas constituem um importante atrativo para o turismo local. As principais atrações turísticas da cidades são: as praias, as lagoas, cachoeiras e cascatas, serras, o Sambaqui da Beirada (sítio arqueológico de 4500 anos), a Igreja Matriz Nossa Senhora de Nazareth de 1630, o Templo do Rock (museu-residência do roqueiro Serguei), o Mirante do Morro da Cruz, Centro de Treinamento de Volei e a rampa de voo livre.

O Rei D. João III, buscando uma solução menos dispendiosa para o problema da colonização do Brasil, resolveu dividir o território em capitanias hereditárias. Foi devido à concretização desse desejo real, que as terras do atual município de Saquarema, passaram a pertencer a Martim Afonso de Sousa, por se encontrar dentro dos limites fixados para a Capitania de São Vicente a ele doada.

Dado a extensão do território da Capitania, muitos anos se passaram antes que as terras de Saquarema recebessem os benefícios da civilização.
Só em 1594 os padres da Ordem do Carmo, por elas de interessaram, pleiteando e obtendo, em 5 de outubro desse ano a doação de algumas sesmarias localizadas na região.
No lugar hoje denominado Carmo, próximo a Ipitangas, iniciaram os religiosos logo ao chegar, a construção de um convento que denominaram de Santo Alberto e do qual no presente, existe, apenas, como recordação, a imagem do seu padroeiro, venerado na exposição de imagens antigas em uma das salas do palácio do Bispo em Niterói.
Após a chegada dos carmelitas, outras sesmarias foram concedidas nas redondezas das suas, o que motivou a criação de várias fazendas nas terras de Saquarema.
Fonte: Wikipedia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor escreva seu nome ao inserir comentário.